13 de dez de 2012

Se ligue no perigo!

Acidentes Domésticos – Relato de uma experiência e como evitá-los

Demorei para escrever esta coluna porque me acidentei.
Foi um acidente doméstico, daqueles bem “bobos”, mas que merece uma atenção especial e ser contado.
Estava eu, manuseando uma tesoura com o objetivo aparentemente “simples” de retirar o lacre de um produto que comprei. Este lacre estava bem justo, não tendo espaço para colocar uma tesoura entre ele e o objeto - mas eu insisti. E quando usei a força... Consegui cortar 3 coisas: o polegar da mão esquerda, o tendão do dedo – e o lacre.
Tive que passar por uma cirurgia para reconstrução do tendão, e vou ficar, no mínimo, uns 6 meses em tratamento intensivo – uso de gesso ( nesse calor está sendo super agradável), talas, tipoias, medicamentos, fisioterapia – por conta de um erro grosseiro de falta de atenção e cuidado.
Acredito que esse assunto não poderia surgir em um momento mais propício – o início das FÉRIAS!!!!
Isso mesmo: uma porção de crianças em casa misturadas com uma porção de objetos e ambientes que podem vir ocasionar uma situação de risco, são ingredientes de uma receita tão indigesta que produtos com glúten para os celíacos!!!!
Portanto, para prevenir que esses acidentes aconteçam é sempre bom seguir alguns cuidados e dicas – não custa nada prevenir para que nossos pequenos continuem inteiros, perfeitos e felizes!!!

1. Lugar de criança não é na cozinha - procure um local apropriado para brincadeiras e diversão.
2. O vaso sanitário deve permanecer sempre fechado, de preferência a porta do banheiro também.
3. Mantenha objetos pontiagudos como tesouras, alfinetes, agulhas e facas fora do alcance e da visão dos pequenos. Assim como objetos pequenos e com partes que podem ser engolidas.
4. Mantenha sacos plásticos fora do alcance da criança - podem causar diversos tipos de sufocamento. As crianças podem colocá-los na cabeça e impedir a chegada do ar aos pulmões, ou engolir pedaços do plástico.
5. Coloque meias antiderrapantes nos bebês e crianças pequenas para que não escorreguem, evitando trauma em ossos, ou cortes profundos. E quando estiverem nos cadeirões, mantenha-os com o cinto de segurança.
6. Deixe os sofás, mesas, cadeiras e poltronas longe da janela, pois é muito comum crianças brincarem de “escalar” estes móveis e isto pode causar acidentes de queda gravíssimos. Apesar de que em casa que tem crianças, as janelas devem ter as devidas redes/grades de proteção.
7. Retire forros ou toalhas da mesa pois as crianças podem puxá-las e deixando cair tudo o que há em cima da mesa, em cima delas.
8. Vede as tomadas com protetor adequado para não acontecer nenhum acidente.
9. Passeie de mãos dadas. Quando for passear com as crianças, mesmo que seja uma volta na rua, jamais solte de suas mãos. Elas podem sair correndo para o meio da rua. E no shopping, muito cuidado com as escadas rolantes, que podem prender cadarços de tênis ou sapatos, roupas, e até mesmo a criança pode desequilibrar e cair.
10. Esconda todos os medicamentos e produtos tóxicos, pois podem causar envenenamento nas crianças.
Uma última dica de ouro - Proteja as crianças no carro – USE SEMPRE A CADEIRINHA.

BOAS FESTAS, E BOAS FÉRIAS SEM ACIDENTES!!!!





Juliana Antunes Oliveira

Psicóloga formada pelo Centro Universitário Anhanguera de Santo André (Uni-A), Pós-graduanda em Psicopedagogia Clínica e Institucional pelo Centro Universitário Fundação de Santo André.




Para saber mais

Dica da especialista - Blog com dicas sobre segurança e prevenção de acidentes domésticos.

Série infantil "Se ligue no perigo" do Cocoricó - Assista o primeiro episódio









Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Olá! Seus comentários serão muito bem-vindos.